Unita sem divisas para manter Rádio Despertar no ar

O maior partido político da oposição e proprietário da estação radiofónica Despertar, Unita, encontra-se com as contas bancárias congeladas, o que causa coloca em risco a sustentabilidade e continuidade do canal de rádio.

A estação radiofónica encontra-se com perda de sinal, e precisa de um emissor para se manter permanentemente no ar. De acordo com o jornalista Ilídio Manuel, a ordem dada pelo Tribunal para congelar as contas bancárias do “Galo Negro”, deve-se a uma dívida tida com uma empresa.

Não revelando o nome da empresa, Ilídio diz que excepto o problema de perda de sinal e falta de um emissor, depois do congelamento das contas da Unita surgiu o problema da falta de sálario dos funcionários.