Victor Hugo Mendes presta homenagem ao Kueno Aionda

Kueno Aionda e Victor Hugo Mendes
Kueno Aionda e Victor Hugo Mendes

O Jornalista e também escritor Victor Hugo usou as suas redes sociais na manhã de hoje (31) de Dezembro, para render homenagens ao seu grande amigo Kueno Aionda.

Confira o texto:

“Só não sabia que te #amava tanto Kueno.

Medo. Viví o ano todo cheio de medo, ele ainda não #terminou e continuo com medo. 2020 levou muitos, muitos filhos talenprematuras tosos, muitos dos #nossos amores, gente amiga e conhecida.

Eu só não sabia que dentre elas estarias tu, meu amigo do peito. Até hoje meu coração #chora amargamente pela tua prematura partida. Na minha alma está presente a luz do teu #sorriso e o doce da tua voz.

Ouço as tuas músicas e me lembro das nossas viagens.

Eu só não sabia que te amava muito. A dor que sinto só é #superada pela partida também ela prematura do meu irmão.

Mas, vivo a vida feliz porque tiro dela a lição do #sopro que é a própria vida e da importância de expressarmos em vida o amor que sentimos por alguém.

Tu #vives em mim Kueno Aionda, essa tua partida me deixa mais humano, mais gente boa, mais eu com Deus.

Vai muangolê, eu vou, e este #sucesso aqui na terra, pouco mais não é, senão pela beleza que é essa vida que nos tira dos nossos e nos atira para as #lutas do dia a dia.

Sem batom, ficou uma marca tua tatuada nas entranhas do meu ser, sem #compreender e puder imaginar as tuas dores no silêncio dessa fama muitas vezes vil.

Dorme bem Kueno, em mim estás acordado com todo #amor que sinto por ti.

Esta é a minha última publicação de 2020 e foi penoso chegar aqui. #estouondetuestas.”

De lembrar que Kueno Aionda morreu aos 33 anos, no hospital Américo Boavida, em Luanda no dia 19 de fevereiro, devido a uma patologia clínica.

Ravelino de Castro
Desenvolvedor de softwares e CEO do Portal Tudo A Ver