Cantor moçambicano revela que médicos desligaram os aparelhos por falta de pagamento

Twenty Fingers
Twenty Fingers

Numa entrevista cedida ao programa moçambicano “Batidas”, nesta terça-feira (12) de Janeiro, o cantor Twenty Fingers, em exclusivo revelou que a morte do empresário foi premeditada após se desligar os aparelhos médicos que mantinham o Bang vivo.

Abalado, o músico moçambicano que teve muitos sucessos produzidos pela produtora de Bang, explicou como foi receber essa triste noticia, sendo que o mesmo foi amigo do empresário.

“O grito de socorro que nós ouvimos muitos não levaram a sério”, começou dizendo o músico. “Os médicos tiveram que desligar os aparelhos porque o valor que se pediu, não chegou”

De lembrar que o promotor de eventos e marido da cantora moçambicana Lizha James perdeu a vida nesta segunda-feira (11), por conta de um cancro no estomago, na Africa do Sul onde esteve internado durante esses os dias em que lutava pela via.