Covid-19: Festival de nudismo põe 8 mil pessoas em perigo de contaminação

Nudismo
Nudismo

A Federação Nudista do México, pretende organizar no bairro Oaxaca um festival de nudismo de (29) de Janeiro à (01) de Fevereiro de 2021, albergando 8 mil pessoas, o que pode causar a infeção pelo novo coronavírus.

O festival nudista Zipolite acontece desde 2016, e para este ano não será diferente, assegura a Federação Mexicana de Nudistas, que alega que a cidade de Oaxaca concordou com a realização da actividade desde que se cumpra com os procedimentos necessários de saúde que visam a impedir a propagação da covid-19, contou o jornal britânico Metro. 

A praia que acolherá o evento, é a única legal para os nudistas no México e o material de comunicação destinado a promover a actividade no mesmo local, incentiva o uso da máscara e o respeito a distância física de modos a evitar ajuntamentos.

O México soma mais de 1,5 milhões de infeções por coronavírus desde o início da pandemia e quase 150 mil mortes até o momento.