Serviço de Investigação Criminal desmente casos de sequestros no país

Sic Angola
Sic Angola

O Serviço de Investigação Criminal (SIC) esclareceu nesta terça-feira (26) de Janeiro durante a conferência de imprensa, que não foram registados casos de sequestros na capital e nem em outras províncias do país.

O responsável do órgão de investigação explicou que os casos que circulam nas redes sociais sobre sequestros, não condizem com a verdade.

“Nós já deixamos claro que não há raptos, conforme se faz passar a informação nas redes sociais. O que está a ocorrer são crimes de roubo e alguns assaltos pontuais”, explicou o responsável do SIC.

Angola registou apenas um caso de rapto em 2020 e no presente ano não foi registado ainda crimes de sequestros, fez saber o SIC.

Em caso de denúncia e desaparecimento de pessoas, as autoridades aconselham que ao invés de recorrem as redes sociais, dirijam-se aos órgãos de direito para a resolução da situação.