“Arquiteto da Paz” em Angola parte para eternidade

O ex-Presidente da República de Angola, José Eduardo dos Santos, de 79 anos, morreu nesta sexta-feira, 08 de Julho, segundo informou a Presidência da Republica de Angola através da sua página oficial do Facebook. 

De acordo ao comunicado, o ex-Presidente da República, Engenheiro José Eduardo dos Santos, faleceu às 11h10 desta sexta-feira (08), vítima de doença prolongada, internado nos cuidados intensivos de um hospital em Barcelona.

“Executivo da República de Angola leva ao conhecimento da opinião pública nacional e internacional, com um sentimento de grande dor e consternação, o falecimento de Sua Excelência o ex-Presidente da República, Engenheiro José Eduardo dos Santos, ocorrido hoje às 11h10 de Espanha certificada pelo boletim médico da clínica, em Barcelona, após prolongada doença.

O Executivo da República de Angola inclina-se, com o maior respeito e consideração, perante a figura de um Estadista de grande dimensão histórica, que regeu durante muitos anos com clarividência e humanismo os destinos da Nação angolana, em momentos muito difíceis.

O Executivo da República de Angola apresenta à família enlutada os seus mais profundos sentimentos de pesar e apela à serenidade de todos neste momento de consternação”, diz a nota.

José Eduardo dos Santos, cujo nome de batismo é José Eduardo Van Dunen, nasceu no dia 28 de Agosto, de 1942 em Luanda, foi um político angolano que serviu como Presidente de Angola de 1979 a 2017. Como Chefe da Nação, José Eduardo dos Santos também foi comandante-em-chefe das Forças Armadas Angolanas (FAA) e presidente do Movimento Popular para a Libertação de Angola (MPLA), o partido que governa o país desde que obteve a independência em 1975.

No dia 11 de Março de 2016, o ex-estadista anunciou que deixar a carreira política em 2018, ano em que completaria 76 anos. Porém, acabou deixando o cargo em setembro de 2017, sendo sucedido por João Lourenço.