Apurados 15 concorrentes para a 8ª edição do concurso de Spoken Word

Agora a caminho da sua 8ª edição, o colectivo de slamers, Luanda Slam, apurou durante um casting realizado esta semana, 15 concorrentes que vão apresentar poemas ou textos de sua autoria, no maior concurso de poesia falada da cidade capital.

A competição conta com 15 finalistas, mais os 3 melhores qualificados no ano de 2021, que irão apresentar seus poemas ou textos na batalha anual do Spoken Word e concorrer ao título de Campeão do Luanda Slam 2022, e consequentemente, vencer diversos prémios. O evento irá decorrer no dia 21 de dezembro às 18h, na Rua Rainha Ginga, no espaço de rua conhecido como “Nossa Ginga”.

O projecto foi idealizado por um coletivo de artistas liderado pela Slamer angolana Elisângela Rita, que por sua vez, participou em alguns concursos internacionais de Spoken Word, e decidiu implementar em Luanda. Apesar de já existir declamação de Spoken Word em Angola desde 2004, o Luanda Slam foi o primeiro concurso, tendo realizado a primeira edição em agosto 2015.

Para a Elizângela Rita, o Slam Luanda é mais que a realização de um sonho, é ver a cultura angolana a se desenvolver e expandir para outros territórios,“é um projecto pelo qual sou apaixona desde que conheci, trazer o Spoken Word para Angola e a possibilidade de competições como essa unirem os melhores slamers e levar os vencedores para competições fora de Angola, estou muito feliz e expectante para esta edição que traz consigo a festa da poesia falada e uma homenagem às 5 mulheres do Spoken Word junto com o projecto Muhatu”.

Para este ano, a agenda cultural do projecto inicia com o evento de declamação de poesia falada por mulheres denominado ‘Muhatu’ no dia 20 de Dezembro em homenagem aos cinco anos de eventos femininos e às mulheres do Spoken Word e termina no dia 21 do mesmo mês, com este grande concurso de Spoken Word Luanda Slam.

Sobre o Luanda Slam:
O projecto independentes sem fins lucrativos, que existe desde 2015 e foram 7 edições realizadas graças ao patrocínios de artistas e amantes do spoken word. A equipa composta pelos slamers, Elisângela Rita, Claudio Silva, Luis Rita, Yara Silva, Elizabeth Fernando, Oivando Carlos e Joas Bleck. Desde a primeira edição que o concurso vem consagrado nomes como: Lukeny Fortunato, vencedor em 2015, António Paciência em 2016, Fernando Carlos em 2017, Dj Huba em 2018, Nzola Kunzediwa em 2019, Sandra Bande em 2020 e Domingos Dembo em 2021.