Para Donald Trump, Covid-19 é pior que Pearl Harbor e os ataques de 11 de Setembro

O evento na Casa Branca para homenagear os enfermeiros do país, decorreu ontem 6 de Maio, onde o presidente americano Donald Trump, afirmou que a pandemia Covid-19 é pior que os eventos mais dramáticos do país, os ataques de 11 de Setembro e Pearl Harbor.

O Ataque a Pearl Harbor foi um ataque militar surpresa do Serviço Aéreo Imperial da Marinha Japonesa contra os Estados Unidos, no dia 7 de dezembro de 1941, a base de Pearl Harbor localizada no Havai(EUA), e como resultado do ataque, alguns navios foram afundados, 2.335 pessoas perderam a vida, e outras 1.143 mil ficaram feridas.
No dia 11 de Setembro de 2001, o grupo terrorista Al-Qaeda atacou as torres gémeas do World Trade Center, em Nova York, e o Pentágono, em Washington, e no acto morreram ‎2.996 pessoas, 25 mil ficaram feridas.
Facto que fez com que os Estados Unidos da América entrassem na Segunda Guerra Mundial.
Mas nem esses dois ataques superam as milhares de mortes provocadas pela COVID–19, que é uma doença infecciosa causada por um novo coronavírus que provoca doenças respiratórias. Após o seu surgimento em Dezembro de 2019 em Whuan, na China, a Covid-19 foi declarada como pandemia pela Organização Mundial da Saúde, propagando-se pelo planeta, em vários continentes e países.
Os EUA relataram o seu primeiro caso de coronavírus em 21 de janeiro, um dia depois de os Estados Unidos confirmarem o seu primeiro caso de coronavírus, Trump, garantiu, no Fórum Económico de Davos, que a situação estava sob controlo, mas isso não passaram de palavras pois tudo saiu do controle, sendo o país mais afectado do mundo pela pandemia até o momento com registos de mais 1.259 708, dentre eles 170.859 recuperados e 74.581 mortos.
Conforme os dados estatísticos, apenas a gripe espanhola teve mais vítimas mortais nos EUA em 110 anos, por isso o presidente norte-americano afirma que o Covid-19 é mais perigoso que todos os ataques sofridos no país.