Passing Toloba reconhece que Sebem o resgatou do mundo da criminalidade

Com gosto e visão no futebol, Passing Toloba viu seu sonho frustrado após lesão no joelho esquerdo, revelou em directo no Instagram com o apresentador Yanick Ricardo no quadro “Tens Coragem”, onde exaltou a presença do Kudurista Sebem na sua vida alegando que o mesmo o salvou do mundo da criminalidade.

Passing Toloba perdeu os pais muito cedo e como homem decidiu fazer algo por si, e pela sua família. Com olhos no futebol Toloba quis seguir uma carreira profissional, mas o destino foi traiçoeiro permitindo que o mesmo lesionasse seu joelho esquerdo. Passing sem muito a saber pensou recorrer a criminalidade: “Ser bandido é um sofrimento, por causa de um telemóvel ou simples coisa, fizemos tudo”, disse Toloba realçando que já admirava o Sebem e tinha em mente que o bem prevalece: “Más influências estragam hábitos úteis” diz a bíblia, decerto que boas influências fazem o contrário, boas influências ajudam-nos a encontrar o caminho”, disse Toloba ao admitir que conviver com o Sebem mudou sua vida.

Ele fazia parte de um grupo constituído por 100 jovens e que apenas Passing e mais um jovem estão bem na vida, pois, os outros estão mortos, caíram no alcoolismo ou estão presos. O Kudurista afirmou que teve que escolher fugir esse duro percurso e decidiu andar com Sebem: ” Eu saia de casa a pé, até a residência de Sebem para poder aprender coisas com o artista”, disse e acrescentou que aprendeu muito com o mesmo. Passing viu sua vida a mudar quando Sebem deu espaço a ele juntamente com o kudurista K2 para uma rubrica no programa “Sempre a Subir”, onde tiveram os seus primeiros momentos de brilho na vida. De lá para cá17 anos se passaram e Toloba vive daquilo que foi fruto de uma escolha.